13.6.11

Que satisfação: mais um filminho saindo do forno!



"Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que confesso não tem importância, pois nada tem importância. Faço paisagens com o que sinto."
(Sobre o aniversário de 123 anos de Fernando Pessoa)

2 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

É pela escrita que nos vamos libertando...

Turmalina disse...

Carlos...é assim que sossego meu espírito!