13.1.11

Vivemos no continente sul -americano e muitos ainda não acreditam que a natureza está intimamente interligada em cada metro quadrado, acima ou abaixo da terra, desse grande continente.Quando um rio sobe litros e litros de água em menos de duas horas, arrastando casas e pedras gigantescas o que é que a maioria pensa? Que a causa é o desmatamento da região. Ou também o lixo que acaba se depositando nos rios.Esses são agravantes.Mas o ciclo das chuvas vai além, envolve toda uma série de fatores que contam com evaporação, condensação, calhas de rios, assoreamento e etc. Quando uma grande área é devastada, por exemplo, na Amazônia, futuramente sentiremos o reflexo aqui no Sudeste. Todo e qualquer movimento contrário à ordem natural das coisas cria uma conseqüência.

2 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ninguém parece interesado em explicar às pessoas (sej aí, ou cá) como o homem está interferindo no equilíbrio ambiental, provocando "catástrofes naturais" que não saõ tão naturais assim, porque podiam ser evitadas.

Turmalina disse...

Carlos...infelizmente as pessoas andam consumindo informações mais urgentes. Aliás, aquilo que lhes é apresentado como urgente.Afinal dá trabalho planejar e refletir a respeito do futuro.E tem ainda aqueles que não querem acreditar.