15.6.10

Ando passando por mudanças de ordem profissional, o que já era esperado a até mesmo anunciado.São mudanças que acabam afetando muita gente à minha volta e confesso um certo frio na barriga.Talvez eu tenha que me mudar para a cidade da filial e não posso mudar sozinha. Todos terão de mudar comigo.Ou então arrumo uma outra coisa para fazer na vida e continuo aqui.
Ontem recebi um convite maravilhoso para participar como roteirista de um filme nos moldes de "5 X Favela". São cinco roteiros interligados aonde os roteiristas/cineastas ministrarão aulas gratuitas numa oficina de cinema para uma comunidade carente. E um diretor famoso irá dirigir as filmagens, com a participação dos alunos da oficina.Isso é maravilhoso, o retorno pessoal é muito bom, a questão social é algo pela qual eu brigo muito, mas não dá para sobreviver financeiramente assim.
E cada roteiro, independentemente do tema, focará um sentido e o meu é a visão.Amei a escolha porque é um sentido que me atrai muito e a falta dele seria uma tragédia para mim. Outro detalhe é que sou a única mulher do grupo.Daí que eu acho que eu tenho mesmo que participar, porque apesar do sucesso do filme "É proibido fumar", da Anna Muylaert, o espaço da mulher no cinema brasileiro ainda é pequeno.
Estou muito animada com o projeto, mas ao mesmo tempo a questão da mudança no meu emprego "de verdade" anda me tirando um pouco do sono.E nem é uma questão de sofrer por antecipação e sim de se programar. Enquanto isso a bola rola, o Brasil pára e eu tenho vontade de não pensar em nada.
O negócio é ir trabalhar. A boa notícia é que ontem conseguimos encomendar uma cadeira de rodas para um menino do abrigo, graças à solidariedade humana. E que hoje também devo levar as roupas de frio para os bebês. Ontem, quando estive lá deixando os sapatos (todos ganharam sapatos novos), as crianças estavam animadíssimas com a Copa do Mundo, decorando o lugar com bandeirinhas verdes e amarelas.
Vamos lá...Brasil...
P.S. E também tem jogo de Portugal para a gente torcer :o)

Um comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Portugal jogou mal e empatou. Brasil também jogou mal, ma ao menos ganhou. Esero que, se ganharmos à Coreia o Brasil não nos faça uma desfeita no último jogo!