31.5.10

De volta à ativa...e mais uma segunda feira recheada de notícias desagradáveis no telejornal. Agatha, uma tempestade tropical, fez estragos e causou mortes na Guatemala e em El Salvador. As autoridades informaram que foram pelo menos 20 mortos.
É praticamente o mesmo número de vítimas do ataque à ativistas próximo à faixa de Gaza. O que é isso, Israel? Ainda estou tentando entender o que aconteceu.
A imprensa internacional diz que os 6 navios que compunham a Frota da Liberdade , com aproximadamente 750 pessoas, levavam ajuda humanitária (10 mil toneladas) aos refugiados da Faixa de Gaza e que o exército israelense encostou, subiu à bordo e saiu atirando.
Já o Ministério do Exterior israelense afirma que os soldados só contra atacaram, uma vez que dois tripulantes turcos atiraram primeiro e que inclusive que os organizadores do comboio possuem ligações com organizações terroristas internacionais.
Bem, particularmente e estando fora do conflito, eu penso que poderia ter havido uma outra forma de abordagem por parte dos soldados israelenses, uma não tão violenta. E me parece que os navios continuam detidos, o que comprometeria e muito as toneladas de ajuda humanitária para os refugiados.
Eu juro que não consigo compreender o conflito desde os tempos primordiais. São nações antropologicamente irmãs e campos de refugiados é outra coisa que não deveria existir em qualquer canto do planeta.Não são coisas de um mundo que se diz civilizado.

4 comentários:

Luci disse...

Turzoca, ufaaa passei por aqui e que bom para aquecer o coração neste frio!
Queria te perguntar uma coisa, Vc conhece o CACC em Campinas, me ligaram e queria saber se é o mesmo que vc ajuda? não conheço o trabalho deles.
Semana que vem estarei no RS, passando um frio, trabalhando muito e morrendo de saudades do pitutuco que vai ficar com o pai.
nos lemos/vemos!
bjs

Luci disse...

uau, coincidência, vc foi pra Caxias do sul também, tem alguma dica de restaurante lá???

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Israel já tinha criticado esta ajuda humanitária. Estava mesmo a ver-se que iam arranjar um pretexto para impedir que ela lá chegasse. Aguardo a reacção internacional mas, como de costume, deve ser branda.

Blondewithaphd disse...

A bem dizer da verdade, desde que meta Israel, eu deixo de perceber.