25.3.10

Xô, Urubu!
Chegamos eu, o cara metade, meu irmão e minha cunhada praticamente na mesma hora em casa.Meu irmão tinha pressa porque minha cunhada ainda tinha médico.Ao tentar ligar o carro, nada. O cara metade então levou os dois até em casa para pegarem o carro da minha cunhada, que tinha saído da oficina ontem à tarde.Tchau, tchau e até amanhã.
Vinte minutos depois toca o telefone. Era meu irmão. O carro da minha cunhada tinha pifado no meio da rua.Ela seguiu de táxi para o médico e ele estava esperando o guincho da seguradora. Já a caminho da oficina meu irmão liga outra vez, pedindo uma carona. O cara metade sai de casa e minha cunhada do médico. Vão todos para a oficina para depois voltarem para casa.
Mal o cara metade entrou na oficina escutou um barulho enorme.Era o cabo de aço do guincho que havia arrebentado enquanto o carro descia. E quem estava atrás do guincho? Meu irmão. A sorte é que ele deu um pulo quando viu o carro em desabalada carreira. O resultado da missa é que muito provavelmente o impacto tenha lhe quebrado o antebraço.E neste instante acabaram de ligar para dizer que estão no pronto socorro e que está tudo relativamente bem. E o braço? Dói muito e eles acham que está mesmo quebrado. Vamos ver se pelo menos o braço vão consertar direito :o)

2 comentários:

Justine disse...

Espero que tenha acabado tudo em bem!
E obrigada pela visita ao meu gato:)))))

Turmalina disse...

Justine, adorei sua casa e principalmente seu gato gatíssimo. Obrigada :o)