22.11.09

Nos ultimos 20 anos o mundo sofreu diversas modificações de ordem político social. Vimos cair o Muro de Berlim, foi adotada A Convenção sobre os Direitos da Criança e finalmente libertaram Nelson Mandela, mais precisamente em Fevereiro de 1990. E no mesmo mês, o presidente da África do Sul na época, Frederik de Klerk, aboliu o regime de Apartheid. Enfim, Mandela conseguira seu objetivo. Ainda não eliminamos todo o preconceito e atitutes segregacionistas do planeta, mas aos olhos do mundo o negro hoje é politicamente respeitado.Ou melhor, os que conseguem estudar e ter um relativo sucesso profissional conseguem um relativo "respeito". Socialmente ainda temos um longo caminho à percorrer, afinal faz muito pouco tempo que este sistema de segregação caiu e seus defensores continuam vivos.Mas vale a pena lembrarmos de alguns trechos da "Carta Pela Liberdade ", escrita por Mandela:
- Que somente um estado democrático, baseado na vontade de todos os povos, pode garantir a todos o seu direito de primogenitura, sem distinção de cor, raça, sexo ou crença;
- Todos os povos têm igual direito de utilizar suas próprias línguas, e desenvolver a sua própria cultura popular e costumes;
- Todas as pessoas devem ter direitos iguais ao comércio onde escolher, para a fabricação e entrar todos os ofícios, ofícios e profissões.
- A lei garante a todos o seu direito de falar, de organizar, se reunir, a publicar, para pregar, para adorar e para educar os seus filhos;
- Homens e mulheres de todas as raças devem receber salário igual para trabalho igual;
- O trabalho infantil, trabalho composto, o sistema de tot e contrato de trabalho devem ser abolidos.
- Todos os tesouros culturais da humanidade serão aberto a todos, por livre troca de livros, idéias e contato com outras terras;
- O objetivo da educação é ensinar os jovens a amar seu povo e sua cultura, de honrar a fraternidade humana,da liberdade e da paz;
- Assistência médica gratuita e de hospitalização deve ser fornecida para todos, com atenção especial para as mães e crianças jovens;
- Favelas devem ser demolidas, e os subúrbios reconstruídos no local onde todos têm transporte, estradas, iluminação, campos de jogos, creches e centros sociais;
- Guetos e locais cercados serão eliminadas, e as leis que quebram as famílias devem ser revogadas.
- Paz e amizade entre todos os nossos povos serão garantidos por defender a igualdade de direitos, oportunidades e qualidade de todos.
E prá quem gostaria de ver um pouco sobre o período em que Madela esteve preso, eu recomendo o filme: Mandela - Luta pela Liberdade (Goodbye Bafana), 2007. Eu digo um pouco porque o filme é bem superficial, não nos dá grandes esclarecimentos, mas é bem feitinho.Para um domingo à tarde!

Um comentário:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Vale sempre a pena lembrar, mas o pior é que apesar das boas intenções, não passsamos da teoria à prática...