5.7.06

Saramago fez um ensaio sobre a cegueira, agora bem que poderia fazer sobre a surdez...
É impressionante como as pessoas , cada vez mais, convencidas por uma pressuposição, se vestem de coragem e investem contra o suposto inimigo de forma cega e surda.Tenho visto isso acontecer muito e detesto qdo sou a parte "inimiga". Porque depois que passa a surdez momentânea, a pessoa vai "escutar" tudo o que vc tentou em vão dizer...aí bate a vergonha, o arrependimento e a cara de tacho.E adianta eu dizer que estava certa? Não... Prá mim não adianta, pq na verdade eu já me desgastei! Ou pior ainda, eu já me magoei ou já me senti tremendamente ofendida com a surdez alheia... E apesar de parecer uma pessoa que aprendeu a sublimar certas coisinhas pequenas, eu tenho sentimentos, sim! E muitos...

Um comentário:

Senhora D. disse...

saber ouvir...deviam criar um medicamento que favorecesse, muita gente parece estar perdendo essa função. beijos, minha linda.