13.7.11

Na verdade nunca sabemos o quanto as pessoas nos amam ou nos odeiam.Ou mesmo se elas nos notam ou se nem tomam conhecimento da nossa existência.Se elas não falam ou não manifestam fica qualquer coisa de complicado sabermos se estamos agradando ou não.Profissionalmente então, acho mais difícil ainda.
Hoje tive uma surpresa daquelas que a gente não espera mesmo.Eu vou na filial somente uma ou duas vezes por semana. Nem sempre o meu tom é doce. Sou tranquila, delicada, mas também sou aquela que precisa cobrar resultados e falar firme quando necessário.
Logo cedo, quando eu abri a porta da sala que costumo usar quando vou prá lá, fiquei sem fala. As meninas tinham preparado um bolo de aniversário. E que bom que ainda tiveram a idéia de fotografá-lo, pois assim posso compartilhá-lo com vocês.

O recheio era de pão de ló, creme, morangos e mousse de maracujá. E elas arrumaram minha mesa como de festa, com toalha, guardanapos decorados, pratinhos, copinhos e etc.
Quanto mais o tempo passa mais eu gosto de cidades pequenas.Quem sabe um dia ainda me mudo prá lá. E olha que não é falta de vontade.

4 comentários:

Karen disse...

Parabéns (atrasado)!

Turmalina disse...

Karen...obrigaaaaada :o)

Pitanga Doce disse...

Então tá. 13 de julho? Vou gravar.

Beijinhos e olha, esses morangos...não sobrava um! hehehe

Turmalina disse...

Pintanguinha...foi dia 10, mas pode ser treze tb :o)
Beijos e morangos