1.6.11

Gosto da diversidade de informações que circulam pelo FB. Tem coisa mais séria, mas tem também muita cultura inútil. E hoje me chegou algo como os signos e as mulheres.Pois se você, leitora, também for uma mulher de Câncer, veja se de alguma forma se identifica com o que foi escrito. Eu só sei que ri muito:

Mulher de Câncer

Ela é meio doida (meio???), qualquer coisa triste e surpreendementemente sábia (opa, obrigada) . Não são extremistas (certeza?) como as geminianas, mas certamente sofrem, regularmente, de uma variação de humor (gostei do nome) pelo fato de que se ressentem fácil com as coisas.
No entanto, se tem uma coisa que não muda na mulher de câncer é o seu senso de economia. São conhecidas no zodíaco pelo cofre de porquinho onde colocam moedas, convictas e determinadas. Escondem (guardam!!!) seu tesouro debaixo do colchão e ninguém nem desconfia que tem alguma coisa lá, tamanha é a modéstia dessas meninas (isso é verdade).
Mas não ache que por isso precisa lhe dar presentes caros. Pelo contrário, ela achará isso um exagero (com certeza). A mulher de Câncer definitivamente não precisa de um homem de posses, só precisa que ele seja capaz de adquiri-las. Boa notícia: o cartão de crédito não poderia estar em mãos menos perigosas que as delas (quase sempre).
Leve-a para ver o mar e a lua. Isso faz bem as nativas desse signo (muiiiito). Câncer é um signo lunar. Então esse cenário mexe seriamente com essas mulheres (algumas chegam a mudar de acordo com as fases da lua).
É ali, num lugar que é delas e só (!) delas (mesmo que seja tão grande quanto o mar), onde se desfazem da carapaça do caranguejo e a imensa infinidade de seus sentimentos respiram aliviados. E ai você vê como, apesar da aparente rigidez, a canceriana é inteiramente feita de água salgada (ou doce). Pode ser de mar, pode ser de lágrima. Câncer é o signo mais emocional do zodíaco. A racionalidade de suas economias nada mais é que uma resposta ao seu desejo de segurança (sem isso não rola).
Das duas uma: quando elas estão apaixonadas ou são tão tímidas que parecem desinteressadas (nem tanto) ou se insinuam de jeito delicado (depende do que consideram delicado), feminino e enlouquecedoramente suave. Mas dificilmente serão elas que tomarão a iniciativa. O caranguejo só anda para os lados (mas andam). Até porque as cancerianas temem (não gostam) muito serem rejeitadas e aceitam sempre (sempre, sempre, sempre) muito bem repetidas confirmações de afeto.
São donas de um conceito de amor muito raro e é realmente muita sacanagem brincar com o sentimentos dela que já são tão afetáveis (afetáveis???).
Esteja certo(a): uma vez que ela se sinta magoada e decepcionada, veste decidida a sua carapaça e você não sabe mais quem está do seu lado (isso se ela não está trancada na carapaça do quarto dela e só Deus sabe quando ela vai sair de lá). Magoá-la é extremamente fácil.
Cancerianas são assim. Dispostas a enfrentar o que for se você expressar sinceramente (e bem) que está lá com ela e que ela é importante. Amarão alguém de um jeito dedicado, forte e profundo como o oceano dentro delas.
Te fará rir, lhe oferecerá segurança, bem como estará disposta a sair do caminho de casa e ver onde vai dar aquela estradinha de terra (adoro sair sem destino). Basta que você esteja lá (ou não).
Ah, e ultima coisa: nutra (ou disfarçe) um lindo afeto por sua sogra.
Fica a dica.

3 comentários:

Giane disse...

Oi, Turmalina!

Adorei. Meu ascendente é Cancer... Rsrsr!

Bjs mil!!!

Giane disse...

Sempre que meu tempo permitir, passarei por aqui. E que Você continue assim: Sempre Bem e no Bem. Bjs mil!!!

Turmalina disse...

Oi Gi....obrigada pelo seu sempre carinho :o) Beijosssss