11.2.11

Tem dias que não são exatamente bons como deveriam ser...e depois de receber do cardiologista muitos elogios por conta dos resultados dos meus exames, ele deixa por último a ultrassonografia da tiróide.Ele lê o resultado e eu lhe pergunto:
- Qual o próximo passo?
- Procurar um especialista e investigar.
- Você conhece algum ou quer uma indicação?
- Se você puder me indicar um, eu agradeço.
Ele escreve numa folha do receituário: Dr. Fulano de tal - Fone tal - Oncologista / Cirurgia de cabeça e pescoço.
- Eu preciso ir já ou pode ser depois das minhas férias?
- Quando você volta de férias?
- Meio de Abril.
- Então pode esperar.
- E eu preciso me preocupar?
- Não...mas precisa investigar, ok?
- Ok.
Recolhi os exames, conversamos mais um pouco. Ele perguntou da família, do trabalho e etc, afinal ele atende a família toda desde 97. Eu coloco a mão na maçaneta para sair e ele me chama de volta:
- Pensando bem...marca uma hora antes das férias. Assim você já vai adiantando as coisas.
Eu ia começar tudo de novo, perguntando que coisas, mas concordei com ele e saí.
Eu diria que hoje não é o melhor dos dias para receber uma notícia dessas, afinal estou me recuperando de uma intoxicação alimentar que quase me levou à nocaute. Coisa de quem precisa comer fora de casa.
O que eu não gosto é de saber exatamente o que vem a seguir. Mas enfim...não dá prá fugir de todo o processo. Marquei uma consulta para o começo de março.
Tem dias em que eu gostaria de confundir realidade e ficção.

12 comentários:

Karen disse...

Que coisa chata, Turmalina! Talvez seja excesso de zelo... Mas, bem, é chato... :(

Turmalina disse...

Oi Karen...acho que é bem por aí, excesso de zelo, medicina preventiva e etc. A pior parte agora acho que são os exames disso e daquilo.Além de horas em salas de espera...mas enfim, o que não tem remédio, remediado está :o)

Borboletas nos Olhos disse...

Baby, primeiro, um abraço. Segundo, bom, na minha família é comum este chamadinho do médico. Minha mãe já foi ver esse lance da tireóide. Fez biópsia, não deu em nada. Minha cunhada (de 20 e poucos anos) idem. Minha irmã, mesma coisa. A gente já tá quase acostumada. Vai rolar um tanto de exame, viu?
Outro abraço,

Turmalina disse...

Lu...obrigada pelo abraço, que eu gosto de ser mimada.Eu tô tranqüila e super otimista, como sempre, com o resultado final.
O que me desanima mesmo são os exames...blargh...eu já os tenho de fazer anualmente por causa do útero, que me deu um baita susto anos atrás.
Obrigada, de novo, pelas palavras de alento...e pelo abraço :o)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ano passado passei por uma situação idêntica mas, felizmente, foi apenas um susto. Os exames não revelaram nada de preocupante. Esteja tranquila. Um beijinho

Turmalina disse...

Carlos...obrigada, meu querido amigo.Não há de ser nada preocupante mesmo.Obrigada pelo beijinho tb :o)

*claudinha disse...

Investigar o quanto antes é mais prudente. É bom vê-la otimista, por certo ficará tudo bem. Farei pensamentos positivos.

*Clau

Turmalina disse...

Clau...vamos dizer que o otimismo seja o meu forte.Obrigada pelos pensamentos positivos. Ando carente :o)

ameixa seca disse...

Fé em Deus e bola prá frente! Estou orando do lado de cá :)

Turmalina disse...

Obrigada, Ameixinha!!!

Reflexos disse...

NAda de sofrer por antecipação e pensar positivo... meio caminho andado para que tudo corra pelo melhor...
E tudo vai correr bem!
Bjos grandes.

Turmalina disse...

Obrigada, querida Reflexos!