18.4.10

The cherry on top

Dizem que os homens são todos iguais...
Prefiro crer que um homem seja capaz de se importar com as pequenas coisas. Sabe, do tipo de homem que vemos em filmes, lemos em livros e ouvimos nas músicas. Que o compositor seja um homem que na prática faça exatamente o que escutamos em suas letras.


Ora bolas, por que diabos estou pensando nisso agora? Justamente por causa dos detalhes. Qual mulher não tem uma história prá contar sobre um homem que se esqueceu somente de um pequeno detalhe.Eu mesma...e aliás acho que tenho várias.
Há uns dias atrás comemoramos 18 anos de vida conjunta. Uau...acho que finalmente atingimos a maturidade no relacionamento. E não posso reclamar.
Por ocasião da data preparei "o" jantar, depois de um dia "daqueles" no trabalho. Depois do jantar o cara metade me perguntou o que eu queria de presente. Minha primeira resposta foi que eu não queria nada. Aí ele insistiu. Na verdade, depois de 18 anos, ele não precisava me fazer essa pergunta. Se tivesse entrado em casa com uma rosa roubada do jardim eu já estaria satisfeita.Nessa hora eu sabia que eu poderia ter pedido o céu, o mar, as estrelas, uma jóia, uma bolsa caríssima, um livro raro, um filme fora de catálogo...qualquer coisa inatingível que eu sei que ele arrumaria. Pensei, pensei e falei:
- Um frozen de iogurte com calda de frutas vermelhas.
Ele riu, achou que eu estivesse de brincadeira e perguntou se eu tinha certeza do pedido e eu confirmei. Já era tarde, estava um tempo bem frio, ele achou melhor deixar para o dia seguinte e eu concordei. Hoje fazem exatamente nove dias, ele acabou de embarcar para uma viagem de cinco e eu tenho certeza que ele esqueceu do meu pedido.
Eu tenho um amigo que diz que as mulheres reclamam porque não sabem pedir, porque não sabem se fazer entender. Eu acho que eu fui bem clara e extremamente objetiva. Alguém, ou algum homem, pode estar se perguntando porque é que eu não vou lá na loja e compro o tal frozen se eu queria tanto. Porque eu não quero. Como também não estou brava, nem nada do gênero.
Escrevi isso só para exemplificar como os homens não são ligados nas pequenas coisas. As prioridades são outras, o cérebro é outro. Como sei também que neste caso específico o cara metade pode até lembrar-se lá na frente, num determinado instante, desse meu pedido. Aí ele vai me convidar para ir à loja de frozens, eu vou e tudo bem.Porque na verdade o que era importante já passou. Só que ele não se deu conta, nem vai, como uma centena de homens que conheço.Deve ser culpa da tal lógica masculina.E ainda existem mulheres que sonham que os homens possam ser diferentes do que são.

4 comentários:

Zoe disse...

Bem, então muitos parabéns, 18 anos já é um longo caminho!
beijinho
Zoe

Pitanga Doce disse...

Ele se lembraria, com certeza, se estivesse ainda na fase de sedução.

Quanto à lembrança depois da data e hora certas, me levou a uma novela em que a protagonista pediu um colar ao marido e ele o trouxe no dia seguinte e a personagem olhou a jóia e disse: "as pérolas de ontem".

Entendeste? Pois é. Eles não.

beijos do Rio iluminado

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Mesmo muito atasado - dificil acesso a net enqunto estive fora e problemas com o computador agora- aqui fica um grande beijinho de parabéns.

Turmalina disse...

Zoe, Pitanga e Carlos...obrigada, meus queridos!